Hora do Planeta

20h29 da noite. Uma cidade inteira iluminada. De repente, as pessoas se direcionam aos interruptores e tudo se apaga, permancendo assim por uma hora. Nada de luzes nos prédios, nos postes e até nos monumentos.
Essa é a proposta da organização WWF com a iniciativa Hora do Planeta. E não, o objetivo não é economizar energia, mas sim manifestar contra o aquecimento global e as mudanças climáticas.
Criada há dois anos na Austrália, neste ano será a primeira vez que a iniciativa será realizada também no Brasil, no dia 28 de março, das 20h30 às 21h30. 22 cidades brasileiras já aderiram ao projeto, seguindo exemplo de empresas, celebridades e milhões de pessoas no mundo todo. O número esperado é de 1 bilhão de participantes em um total de mil cidades.
Para participar também basta se cadastrar no site da Hora do Planeta e apagar suas luzes.

Anúncios

22 de março de 2009. Meio Ambiente. 1 comentário.

Kazuo Okubo

Ontem eu e uma amiga entrevistamos uma lenda brasiliense. Há 34 anos trabalhando como fotógrafo, Kazuo Okubo é, além de muito talentoso e profissional, extremamente simpático. Vale a pena conhecer o trabalho dele e se deixar apaixonar, seja pelas campanhas publicitárias, pelos editorias de moda ou pelos trabalhos autorais em que ele explora o nú como arte. Inclusive, quem quiser posar para Kazuo, ele aceita voluntários…

20 de março de 2009. Fotografia. Deixe um comentário.

Sarah Hankinson

As ilustrações de Sarah Hankinson são verdadeiras obras de arte. Trabalhadas em tinta e lápis, mostram figuras femininas únicas, muitas vezes retiradas de fotografias de moda, em que desenho e alguns poucos splashes de cor se misturam. A artista é de Melbourne, na Austrália e já fez inclusive exposições de seu trabalho em galerias de design.

20 de março de 2009. Ilustração. 1 comentário.

3OH!3

Uma mistura de pop, rock, rap e música eletrônica que dá certo. Dá pra imaginar?
Então confere aí o myspace dessa dupla de norte-americanos que abriu neste último mês todos os shows da cantora-fenômeno Katy Perry.

1 de março de 2009. Música. 2 comentários.